Cuidados com a pele no verão

As altas temperaturas, típicas do verão brasileiro, exigem medidas e cuidados para combater e prevenir o câncer da pele - o de maior incidência no Brasil e nos demais países. Pesquisa da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) aponta que 4,5 milhões de brasileiros já tiveram câncer da pele.

A recomendação é se proteger do sol, usar o filtro solar diariamente, realizar o autoexame da pele e ir ao dermatologista. No verão, é fundamental não ficar diretamente exposto ao sol entre 10h e 16h, procurando sombra sempre que possível, de preferência em barracas de algodão ou lona, que absorvem 50% da radiação ultravioleta. O protetor solar deve ser aplicado em todo o corpo, voltando a ser aplicado a cada duas horas ou depois de ir à água.

É necessário estar atento e realizar o exame clínico da pele rotineiramente. O câncer pode surgir em qualquer tipo de pele, mas deve ser dada atenção especial aos indivíduos de pele clara e aos profissionais que trabalham em meio à alta exposição à luz solar. Indivíduos com lesões suspeitas devem ser encaminhados à consulta especializada em centros de referência para realização dos procedimentos diagnósticos necessários.

 

Com informações do portal da Sociedade Brasileira de Dermatologia